What is Tether USDT
Tutorials

Saiba por que todos estão falando do tether

A volatilidade das criptomoedas é uma faca de dois gumes. Por um lado, ela atrai investidores atrás da possibilidade de ganhar dinheiro. Por outro, elimina o uso de uma criptomoeda como reserva de valor.

Mas e se lhe disséssemos que há uma forma de eliminar um desses lados, especificamente o negativo? Stablecoins como o tether (USDT) têm exatamente essa finalidade. Como? É o que vamos ver agora.

Uma análise aprofundada do USDT

Em uma fazenda de gado, os animais são atrelados (“tethered”) a estruturas, ou seja, amarrados com uma corda. No aspecto tecnológico, ainda que não usemos o termo com muita frequência, nossos smartphones são geralmente atrelados a outros dispositivos por redes Wi-Fi ou tecnologia Bluetooth.

Mas o que isso tem a ver com a criptomoeda tether? Bem… A forma como o termo “tether” (atrelar) é usado é semelhante no universo de criptomoedas. Em vez de amarrar uma vaca no celeiro ou conectar seu celular à rede Wi-Fi, o tether cria uma nova ponte entre criptomoedas e moedas convencionais.

O USDT é considerado parte de uma nova classe de criptomoedas: as stablecoins. Uma stablecoin é um tipo de criptomoeda lastreada por ativos de reserva e oferece volatilidade mínima de preço.

O tether integra moedas convencionais e criptomoedas, criando um novo ativo digital com todas as vantagens de ser baseado em blockchain sem o risco da volatilidade tão comum entre as criptomoedas, o meio termo perfeito. Como cada token é lastreado por uma moeda convencional correspondente — como o dólar americano, o euro e o iene japonês —, a moeda mantém uma proporção de 1 para 1 (1 USDT = 1 USD) e tem suas reservas mantidas em Hong Kong pela Tether Limited.

Graças a essa paridade, o tether não possui limite de oferta. Isso também oferece às pessoas uma criptomoeda capaz de atuar ao mesmo tempo como meio de troca e reserva de valor.

Digamos que você queira converter 50 USD em USDT. Você obteria o mesmo valor em USDT (50 USDT), mas seus recursos passariam a ser facilmente rastreáveis, intercambiáveis e resgatáveis como uma criptomoeda.

Damos outro exemplo, desta vez, da perspectiva de um negociante assíduo… Digamos que há posições abertas no mercado de bitcoin (BTC). Se o mercado entrar em queda, os negociantes podem converter seu BTC em USDT até o (provável) fim do ciclo de baixa para evitar que seus recursos percam valor. Isso abre a oportunidade de recomprar o BTC a um preço mais baixo usando o mesmo USDT e esperar que o preço suba novamente.

Por que você deve considerar o uso do tether?

Seus benefícios vão desde negociações individuais até operações de câmbio completas.

Antes de explicarmos como sua integração pode ajudar cada nível de negociação com criptomoedas, vejamos suas principais características:

  • É estável e 100% lastreado. Como cada token é ancorado a uma moeda convencional específica, o valor será sempre estável. A estabilidade do valor assegura uma proporção de 1 para 1, ou seja, 1 USDT valerá sempre 1 USD.
  • É transparente. Se você estiver se sentindo desconfortável com a segurança da reserva de moeda convencional, não se preocupe. O tether publica um relatório diário, assegurando que todo USDT em circulação corresponda à sua moeda de reserva.
  • Ser lastreado pela tecnologia de blockchain o torna mais seguro (e ainda mais transparente). O tether se fundamenta em blockchain aberto e outras tecnologias, aproveitando a vantagem das funcionalidades que tornam a tecnologia de blockchain segura e transparente.

Como essas funcionalidades afetam cada nível? Principalmente, o tether possui vantagens para três níveis: câmbios, individuais e comerciantes.

A integração do tether em operações de câmbio possibilitará transações mais confortáveis e simples. Às vezes, a conversão da sua moeda convencional em criptomoeda com uma operação de câmbio pode exigir muitos passos. Há também algum tempo de espera, especialmente para a confirmação e a verificação da conversão. Juntos, esses dois obstáculos podem sobrecarregar e desgastar um negociante, especialmente se for novo. Para solucionar isso, as operações de câmbio fornecem pares de tether, permitindo a movimentação dos ativos de qualquer negociante (por meio do blockchain) entre diferentes países e redes da forma mais eficiente possível.

No nível individual, o tether pode oferecer uma oportunidade para que negociantes mantenham o ativo sem se preocupar com a implacável volatilidade das criptomoedas. Considerando o exemplo já mencionado, digamos que o mercado entre em baixa. Nesse caso, você poderá salvar os seus ativos digitais de qualquer queda repentina no preço e proteger o seu bolso.

Comerciantes podem ter uma via mais confortável e menos preocupante para aceitar pagamentos em criptomoedas. Como não precisam se preocupar com a volatilidade, os comerciantes podem se concentrar em seus negócios. A integração do tether pode eliminar problemas como riscos de estorno, grandes quedas de preço, aborrecimentos ligados a sistemas monetários centralizados e a conversão intermitente entre moedas convencionais.

Um futuro promissor

O tether pode revolucionar o modo como vemos e mantemos criptomoedas, e ele é feito para atuar com muitas das criptomoedas existentes. O USD Tether — ou USDT — é a primeira moeda tether, mas podemos presumir com segurança que outras virão.

Contudo, essa tecnologia ainda se encontra nas etapas iniciais. Depois que ela começar a se integrar, veremos como afetará a maneira como usamos nossos recursos. É estimulante ver progressos como esse no mercado de criptomoedas, e mal podemos esperar para ver sua evolução em direção a algo que gerará muitas outras oportunidades reais para entusiastas como nós.

Aviso de isenção: as informações presentes neste artigo não são e não devem ser consideradas conselhos de investimento, financeiro ou de outra natureza.

Iggi Vargas

All his life, Iggi has been interested in the arts—painting, music, film, writing, and now, cryptocurrency. He loves to connect with other people and figured, what better way to do so than through the magic of borderless cryptocurrency? He's been learning and writing about cryptocurrency for over two years now, with no plans of stopping soon.

More Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *